KPI – o que é?

"O que pode ser medido, pode ser melhorado."
Peter Drucker
Conhecer e definir os KPIs da sua empresa é imprescindível para você entender o que está e o que não está dando certo. Mas afinal, o que é KPI?.
Os KPI’s (do inglês, Key Performance Indicator) são os indicadores chave de performance, os responsáveis por apontar a evolução do seu negócio. De forma geral, o KPI é uma maneira de medir as ações que estão sendo tomadas para atingir os objetivos estabelecidos pela sua empresa.
A partir desses indicadores é possível medir o desempenho de um negócio, tendo a segurança de que os processos em andamento coincidem com os objetivos estabelecidos. É preciso se atentar quanto ao número de indicadores a serem utilizados. A falta ou excesso de KPI’s pode atrasar e confundir o processo, fazendo com que você se perca em meio às informações, por mais importantes que sejam.
Saiba definir quais indicadores são importantes para o seu negócio. Imagine uma empresa pequena que realiza contatos diários com leads. A quantidade de ligações pode ser definida como uma métrica, e a taxa de conversão como outra. Possivelmente acompanhar e estudar a taxa de conversão trará mais resultados que mensurar a quantidade de ligações. Assim, a taxa de conversão pode ser considerada um KPI, enquanto a quantidade de ligações, será apenas uma métrica.

Traçando as metas que se deseja alcançar, é possível avaliar quais variáveis podem influenciar o KPI. Para isso,deve ter em claro qual é seu objetivo, e verificar se suas metas foram definidas conforme a metodologia SMART.

S. Específico: O que deseja alcançar? Dê preferência a ações finais;
M. Mensurável: Avalie quais recursos serão utilizados e como poderá obter as informações para medir as metas;
A. Alcançável: Objetivos alcançáveis são aqueles que podem ser alcançados com os recursos materiais, financeiros e humanos disponíveis para você.
R. Relevante: Veja se as metas e objetivos estão alinhados ao planejamento e à cultura organizacional;
T. Temporal: Coloque um prazo determinado para as metas serem atingidas, isso motiva as pessoas já que é possível vislumbrar o futuro.
Verifique se o KPI também segue a lógica SMART. É possível mensurá-lo? Ele é capaz de explicar seu objetivo ou é um indicador de vaidade? É possível tomar escolhas inteligentes com base no indicador escolhido? Qual a periodicidade de coleta?
Uma vez definido o KPI, precisamos formular o cálculo necessário para chegar ao resultado esperado.
Quer um exemplo?
Vamos elaborar uma KPI que mensure a porcentagem de camas de um hospital que são ocupadas (A), sobre o total de camas (B).
Fórmula do Cálculo = (A/B) * 100
Seguindo essas dicas você terá autonomia na construção dos KPI’s do seu negócio, e alcançará ótimos resultados baseados no seu trabalho analítico.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×